As 007 vidas de James Bond

23/07/2006

Um livro novo – inédito – de James Bond, o agente 007 criado pelo inglês Ian Fleming? Pois é. A empresa que controla a obra do escritor morto em 1964, a Ian Fleming Publications Ltd., anunciou ter encomendado a um autor “muito famoso e altamente respeitado” um novo livro de Bond, para ser lançado em 2008, quando será comemorado o centenário do nascimento de Fleming. Notícia completa, em inglês, aqui.

Se Robert Ludlum pode continuar literariamente vivo depois de morto (veja aqui como ele consegue), por que Fleming não poderia?

5 Comments

  • Paulo Osrevni 23/07/2006 at 01:22

    Era só o que faltava… Ouvi dizer que vão fazer mais uns dois ou três títulos da Comédia Humana também… será? Parece que vai ter concurso pra substituir o Balzac…

  • João Paulo 23/07/2006 at 08:03

    Pq nem existe comparação, a meu ver, entre o Ludlum e o Fleming. A diferença de conteúdo é tão grande, que poderíamos deixar o Fleming como está. Mesmo admitindo um certo exagero neste meu comentário. rs.

  • João Paulo 23/07/2006 at 08:12

    Ah bom! Agora que eu lí a nota do Sérgio Rodrigues é que entendi. Êste realmente é o mundo dos absurdos, não? Isto deveria ser crime. Enquadrado em uma lei tipo de estelionato cultural. Não sabia disso não! Valeu!

  • Jåµë§ ßønd 25/07/2006 at 14:28

    -= Ora, todos os fãs demoram um pouco a se acostumar com as várias encarnações do personagem de Ian Fleming.

    Mas no final, vale a pena.

    Todos os fãs se imaginam criando novas aventuras do espião que quebra o côco mas não arrebenta a sapucaia.

    Alguns conseguem.
    E nós só temos que nos beneficiar disso.

    No caso do Ludlum… well

  • Sergio O 27/07/2006 at 01:29

    Alexandre Dumas, o pai, dos 3 mosqueteiros e do Conde de Monte Cristo já fazia isso na França.
    Por que não?
    Bill GaTES por acaso faz tudo?

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial