Duas capas para ‘Lolita’

14/10/2009

capalolita1capalolita2Um concurso internético de melhor proposta de capa para “Lolita” (obsessivo, eu?), com 155 inscrições de 34 países, teve como vencedora a proposta à esquerda, de uma designer búlgara, que inova ao transferir o foco da ninfeta para Humbert Humbert, o tiozão – provavelmente um sintoma de nossos tempos politicamente corretos, ao recusar o ponto de vista do narrador papa-anjo para contemplá-lo de fora. Mas a derrota do criativo quase-abstracionismo da capa à direita, de uma designer de Cingapura, provocou alguns protestos online. Que eu, aliás, subscrevo inteiramente.

12 Comments

  • Thiago Maia 14/10/2009 at 18:07

    Concordo, SR. A capa “Lego” da direita é muito, muito melhor que a outra.

  • kylderi 14/10/2009 at 18:47

    Além da capa da direita ser mais decodificável, estética e identificadora da obra.

  • Rodrigo 14/10/2009 at 21:06

    A capa com o prendedor de cabelo rosa seria a minha escolhida.

  • Rafael 14/10/2009 at 22:04

    De gustibus non est disputandum.

    Vale.

  • Fernando Torres 15/10/2009 at 10:44

    Eu defitivamente teria uma edição com a capa da direita.

  • Saint-Clair Stockler 15/10/2009 at 11:50

    Prefiro a capa que ganhou – que, aliás, não tira o foco da Lolita (embora inclua o H. H.). Na verdade, duplica-a.

  • Saint-Clair Stockler 15/10/2009 at 11:54

    Mas, na verdade, se eu pudesse escolher a ganhadora, escolheria a capa toda preta com o prendedor de cabelos rosa. Há algo de erótico nessa capa que se perde nas outras todas. Gostei!

  • Eric Novello 16/10/2009 at 11:44

    A capa preta do prendedor é muito bem sacada. Ficaria com ela. Entre as duas aqui do post, prefiro a que venceu, com a lolita nas asas. Até porque vejo algo de livro infantil ali, o que é uma ironia (não intencional?) deliciosa. rs. Abss!

  • Varuna 16/10/2009 at 20:16

    Bem! Ambas as capas são artísticas, simplesmente, muito criativas.
    Vejo na da esquerda: uma capa atrevidamente erótica… lembra um pouco as saias das estudantes sedutoras e atrevidas…
    Na da direita a qual eu escolheria, acho-a clássica e ao mesmo tempo romanticamente angelical.
    Caso alguém queira ver a projeçao de ‘Rorschach’ (teste do borrão de tinta); podemos ver a figura de um bigodão, bem nosso conhecido…

  • wilson saleri 16/10/2009 at 22:45

    Nao gostei da expressao papa anjo. Certo esta o Tede Silva, que diz que temos que proteger nossas crianças mas é impossivel, anti natural e cruel querer refrear a iniciaçao sexual de adolescentes, principalmente se for com homens mais experientes e sensiveis e nao violentos. Viva Roman Polanski!

  • OPASH ANANDA 19/10/2009 at 17:41

    criatividade na capa 2, subliminar….ótima, amei !!

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial