Mamilogate, o momento mais ridículo do Facebook

12/09/2012

Se existe um lado bom no neopuritanismo do Facebook, ele acaba de ser encontrado. O tom de falsa seriedade com que o editor de cartuns da revista “New Yorker”, Robert Mankoff, expôs no site da revista o ridículo de quem se escandaliza com mamilos de nanquim numa representação cartunesca de Adão e Eva produziu uma pequena obra-prima do humor. Muito melhor, aliás, do que o cartum da discórdia, que não é ruim. O post se chama Nipplegate (Mamilogate) e pode ser lido inteiro, em inglês, aqui. Traduzi o trecho inicial:

A “New Yorker” tem uma página no Facebook para nossos cartuns, que muitos de vocês curtem, ou talvez seja só uma pessoa com tempo livre à beça que curte a página, depois curte de novo e de novo. Em todo caso, é um número grande de curtidas. Nós curtimos isso.

O que nós não curtimos foi a suspensão temporária que levamos do Facebook por violar suas normas comunitárias de “Nudez e sexo” ao publicar este cartum de Mick Stevens.

Com a esperança de voltar às boas graças do Facebook, Mick redesenhou o cartum para a gente, mas a adição de roupas provocou uma severa subtração no humor.

Uma breve investigação mostrou que a ofensa foi na verdade provocada pela inclusão destas duas pintas no cartum,

que, por sinal, também continha estas duas pintas não ofensivas:

Você consegue localizar as quatro pintas no cartum proibido? Dica: é como “Onde está Wally?”, só que para mamilos.

7 Comments

  • Gisele Lemper 12/09/2012 at 13:14

    to dizendo… na falta de consciência para defesa de valores humanos mais humanos, vem a doença do politicamente correto discriminando toda e qualquer expressão artística ou social que envolva bom humor e saúde mental como essa aí. porrr aqui tb a mesma doença volta a atacar Monteiro Lobato… 😉

  • Tibor Moricz 12/09/2012 at 13:38

    O Facebook está repleto de momentos ridículos como esses. Existe um bando de asnos, lá, regulando essas coisas.

  • Claudio Faria 12/09/2012 at 14:33

    Genial… Humor e ironia são as melhores maneiras de sacanear essa praga hipócrita do “politicamente correto”. Fico imaginando como Nelson Rodrigues, Stanislaw Ponte-Preta e outros se virariam hoje para produzir seus textos. É bem provável que ao menos o Nelson disparasse de tempos em tempos algumas das suas pérolas para irritar esse pessoal.

  • Ernâni Getirana 12/09/2012 at 16:44

    Metade do que é postado no face book é lixo da pior qualidade (nem dá pra reciclar): declarações bobas de amor, alusão a deus, coisas do tipo. O que salva o face é o humor. Sugiro que entreguem o face a uma Inteligência Artificial, aposto que ela não cortará o humor.

  • Eugenio Araujo 12/09/2012 at 17:40

    Companheiro (segundo o Aurelio, sem o “u” petista), o fato exposto não é de causar espanto ou surpresa. Até no humor, o nosso atual “mundo globalizado” está de tal forma contaminado, por ditas posições “sócio-politica corretas”, que uma situação jocosa é policiada, sujeita ao crivo e repudia de pseudos interpretes da verdade social vigente.

  • George Rocha 13/09/2012 at 04:35

    Facebook is the Web’s restroom wall.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial