O romance perdido de Karl Marx e outros links

11/05/2011

Está certo que o pós-modernismo andou abusando do truque, mas não é espantoso que ninguém tenha ainda construído um romance em torno do romance perdido de Karl Marx? Skorpion und Felix, Humoristischer Roman (Escorpião e Félix, romance humorístico) foi escrito em 1837, quando o então futuro autor do “Manifesto comunista” tinha 19 anos, e aparentemente destruído por ele mesmo – com exceção de uns poucos fragmentos, que chegou a publicar. Humor filosófico e provável influência do “Tristram Shandy” são atributos que costumam ser associados a esse livro, o que parece mais que suficiente para fazer de Marx um irmão espiritual de… Machado de Assis! Se alguém se habilitar, aviso logo que me terá como leitor. E que me contento com um agradecimento em corpo 8 no fim do volume.

*

Close reading de tweets? Isso mesmo. E ainda inclui um glossário de pés métricos dos nomes de rappers: iambos, troqueus etc. Pode, Arnaldo?

*

E por falar no Twitter: a “Wired” fez uma antologia de comediantes profissionais que se dedicam a fazer rir em menos de 140 caracteres. Alguns conseguem.

*

O neonazista americano educava o filho de 10 anos entre armas e relíquias nazistas. O filho aprendeu bem a lição e o fuzilou no sofá. Se fosse ficção, os críticos estariam bufando e revirando os olhos. Mas não é.

*

“Por que a verdade não seria mais estranha que a ficção? A ficção, afinal, tem que fazer sentido.” Mark Twain

4 Comments

  • Rodrigo 11/05/2011 at 16:53

    Acho que você quis dizer que o livro foi escrito sob provável influência do Tristam Shandy, não?
    Coitado do Machado, não faça isso com ele.

    Rodrigo, não só quis dizer como disse. Não entendi a observação.

  • Lycia Barros 11/05/2011 at 16:58

    Olá, gostaria de saber como enviar um livro para o Sérgio ler e, quem sabe, postar sua opinião sobre ele. Fico no aguardo. Grata,
    Lycia Barros.

  • Chico Arruda 12/05/2011 at 10:24

    Tristam Shandy, Karl, Machado e um Romance Perdido…só escrever, tudo já dado, só em imaginar já sinto vontade de ler, quem sabe daqui uns anos alguém se habilite…

  • duduvieira10 16/05/2011 at 10:45

    Meu prezado Sergio Rodrigues;
    Não acredito muitos nesse Karl Marx, para mim Marx é uma fraude,foi eudeusado demais pelas esquerdas, talvez não seja grande coisa como todos façam crer, assim como fizeram com “Che”, nosso deuso latino que matava a sangue frio quando lhe desegradava, nem mandava para o paredon de fuzilamento. De fatos sabemos sobre Marx e não me agrada: depois de velho vivia dando em cima das empregadas de sua mãe. Recebia ajuda de IDÉIAS e financeira de Friedrich Engels, não precisamos esperar grande coisa de romance. Atenciosamente.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial